quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Valéria Macedo pede votação de projeto de credeciamento da Unacon


A Deputada Estadual Valéria Macedo (PDT) foi à tribuna na sessão plenária desta terça–feira (2), protestar sobre a demora na aprovação do projeto de sua autoria, que trata do credenciamento da Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), com serviços de radioterapia para atender Imperatriz e macrorregião.

De acordo com a Deputada, várias diligências já foram atendidas em relação à Unacon, mas o credenciamento como unidade de referência encontra-se pendente desde 2011, ano em que o processo começou a tramitar no Ministério da Saúde.

“Durante essa tramitação, várias pendências foram sanadas pela Prefeitura de Imperatriz e também pela Secretaria de Estado, além disso, resoluções da Comissão Intergestores Bipartite foram aprovadas. O problema é que até hoje não se tem o credenciamento da Unacon, em Imperatriz”, alertou.

Em seu discurso, Valéria Macedo citou algumas razões pela qual considera o projeto importante para o tratamento de câncer na região Tocantina. A parlamentar destacou a distância da capital para os municípios da região sul do Maranhão que chega a 700 km; a morosidade na realização das biópsias e outros exames para o diagnóstico de câncer; e a grande espera do tratamento de radioterapia, inclusive com incidência de mortes de pacientes.

Ainda de acordo com a Deputada, o projeto da Unacon atenderia não só Imperatriz, mas também Balsas, Presidente Dutra e suas microrregiões. “Só nessa área, cerca de um milhão e setecentos mil habitantes receberiam essa cobertura, e no Maranhão nós sabemos que existe apenas um serviço de radioterapia disponibilizado pelo Aldenora Belo para atender cerca de seis milhões oitocentos e cinquenta mil, ou seja, absolutamente insuficiente. É uma fila de 287 pacientes aguardando para iniciar o tratamento”, informou.

Ela citou a parceria com os Municípios do Topama, formado pelo Tocantins, Pará e Maranhão, que através de um projeto desenvolvido pelo Ministério da Saúde, também terão seus municípios próximos beneficiados.

A Deputada fez apelo ao Governo do Estado e à Secretaria de Estado da Saúde. “Antes de saírem do Governo peço que envidem esforços políticos no Maranhão e em Brasília, no sentido de aprovar o projeto Unacon para Imperatriz, para que passe a funcionar atendendo mais de um milhão e setecentos e trinta e três habitantes das Macrorregiões de Imperatriz, Balsas e Presidente Dutra”, enfatizou.

No seu pronunciamento, Valéria Macedo lembrou que foi aprovado na Casa a instalação de uma Comissão de Deputados Federais, em abril do ano passado, para a realização de uma Audiência Pública em Brasília, junto com o Ministério da Saúde, a fim de dar mais agilidade ao processo.

“Com a crise no Tocantins, rapidamente os deputados estaduais conseguiram, na última quarta-feira, com seus deputados federais do Tocantins uma audiência com o Ministro da Saúde, pedindo a aprovação da Unacon em Imperatriz, que vai servir também aos pacientes do Tocantins, da Região de Araguaína. Nós também ligamos aos gabinetes de nossos deputados federais pedindo esse auxílio, porém não conseguimos nenhuma resposta”, lamentou Valéria.

Antes de finalizar, a parlamentar se reportou aos órgãos envolvidos, reiterando a importância do credenciamento da Unacon, com urgência. “Mais uma vez, eu faço o apelo ao Governo do Estado, ao Secretário de Estado da Saúde, aos deputados estaduais que falem com os deputados da sua bancada, aos nossos deputados federais do Maranhão para ajudar no sentido que junto ao Ministério da Saúde ainda este ano nós consigamos credenciar a Unacon de Imperatriz, porque muitas vidas estão sendo ceifadas pela ausência do tratamento de câncer”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz