quarta-feira, 21 de maio de 2014

Prefeitura de Paço do Lumiar lança projeto “Educar para a Cultura da Paz”




A Prefeitura de Paço do Lumiar, por meio da Secretaria Municipal de Educação, lançou, na manhã desta terça-feira (20), no auditório da Faculdade Iesf, o projeto “Educar para a Cultura da Paz”, com o objetivo de discutir os altos índices de bullying, intolerância, racismo e agressões físicas no ambiente escolar.

O projeto deu origem a um fórum de discussão para tratar as mais diversas vertentes dessa temática, envolvendo instituições de defesa dos direitos humanos, além de crianças, adolescentes e seus familiares, analisando a atual realidade das escolas luminenses.
Uma extensa programação foi realizada durante todo o dia,com palestras, mesas redondas, diálogos e apresentações culturais, que contou com a participação de profissionais capacitados para abordar o tema que busca, também, incentivar mais a presença da família dentro da escola.

Para a secretária de Educação, Ana Paula Pires, os casos de violência envolvendo o âmbito escolar são reflexo da violência na sociedade, daí a importância dos valores familiares. “Queremos trazer discussões sobre o tema e fazer com que a família, que é a base da educação primária, seja inserida dando mais direcionamento aos filhos”, disse.

O Prefeito Josemar Sobreiro incentiva a iniciativa e pontua a oportunidade como um resgate de valores da família dentro das escolas. “Se as crianças e adolescentes tem no convívio familiar a harmonia consequentemente a levarão ao ambiente que frequentam”, disse. O prefeito acrescentou que com o tema bem conhecido e debatido a construção de uma consciência coletiva de solidariedade, respeito e dignidade humana será bem mais fácil.

Na solenidade de abertura estiveram presentes além da secretária de Educação Ana Paula Pires, professores da rede municipal de ensino, o comandante do 13º Batalhão da Polícia Militar, que atende aos municípios de Paço do Lumiar, Raposa e São José de Ribamar, o major José Maria Prado Júnior, o coronel Raimundo Nonato Sá, representando o coronel Zanoni, responsável pelo Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), alunos e seus familiares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz