sábado, 19 de maio de 2018

Missa de sétimo dia celebra memória do ex-governador Epitácio Cafeteira


Amigos e familiares participaram em São Luís, na manhã deste sábado (19), da Missa de Sétimo Dia, celebrada em memória do ex-governador Epitácio Cafeteira, falecido no último dia 13 de maio, em Brasília. A missa foi celebrada às 9h, pelo padre Heitor Moraes, na Igreja de Santo Antônio, situada na Praça Antônio Lobo, ao lado da Escola Modelo Benedito Leite, no centro de São Luís.

A cerimônia religiosa, batizada de “Celebração de Fé e Esperança”, contou com a presença do deputado Rogério Cafeteira (DEM), líder do Governo na Assembleia Legislativa, de Dona Isabel e Janaína (respectivamente viúva e filha do ex-governador), além de diversos ex-parlamentares, dirigentes partidários e ex-asssesores.

Na missa de sétimo dia pela eterna paz de sua alma, o ex-governador Epitácio Cafeteira foi lembrado por inúmeras obras que realizou no período em que ocupou o Palácio dos Leões.

O padre Heitor Moraes, pároco da Igreja de São João Batista, disse no sermão que houve um sinal forte da intervenção de Deus na vida de Epitácio Cafeteira. “Ele faleceu exatamente no dia 13 de maio, dia consagrado a Nossa Senhora de Fátima. E o segundo sinal é justamente agora o Dia de Pentecostes, quando o Espírito Santo foi derramado sobre os discípulos pela primeira vez. Antes disso, o Pentecostes era uma festa judaica instituída por Deus, para celebrar a colheita. E o Espírito Santo, terceira pessoa da divina Trindade, é o consolador das nossas almas”, afirmou o padre Heitor Moraes, em sua homilia.

Durante a missa, após a liturgia eucarística, o deputado Rogério Cafeteira foi ao púlpito da igreja, onde proferiu um breve discurso de improviso. “Agradeço, de coração, a presença de todos. Nos emociona muito esta demonstração de carinho por nossa família e o respeito pela memória do ex-governador Epitácio Cafeteira. Meu muito obrigado a todos”, afirmou Rogério Cafeteira.

A celebração da missa contou também com a presença dos ex-deputados Aderson Lago, Joaquim Haickel, Conceição Andrade, Wagner Lago, Carlos Guterres e da médica Clay Lago, viúva do ex-governador Jackson Lago

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz