segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Moradores do São Francisco mostram apoio a Edivaldo


Em mais uma grande manifestação de apoio popular, o prefeito Edivaldo Holanda Junior (PDT) participou na tarde desta segunda-feira (17), no bairro do São Francisco, de mais uma caminhada “Todos com Edivaldo”. Por onde passava o cortejo, animado pela Charanga 12, os moradores agradeciam o gestor municipal pelas ações e avanços nas políticas públicas implementadas na cidade.

Edivaldo chegou a concentração, na Rua 6 do São Francisco, por volta das 17h, acompanhado de seu vice na chapa, Júlio Pinheiro (PCdoB). No local, uma multidão formada por moradores, militantes e correligionários, os aguardava animados pelas músicas da Charanga 12 e do colorido das bandeiras. A maioria queria lhe abraçar e tirar fotos com o candidato do PDT.

Para o comerciante Raimundo Mendes que há 50 anos reide no São Francisco destacou que Edivaldo deve ter seu segundo mandato para dar prosseguimentos ao que já realizou no sua primeira gestão. Segundo ele, interromper sua administração, neste momento, será um retrocesso.
“Edivaldo enfrentou os piores problemas entre dívidas da administração anterior, boicote político e uma crise econômica brasileira. Mesmo assim conseguiu trabalhar pela cidade. Agora, conhecendo a cidade e com mais experiência, ele tem que continuar”, argumentou o seu voto no 12, seu Mendes, como é conhecido no bairro.

A dona-de-casa, Neide Costa, moradora da rua Antônio Rêgo, falou sobre o aspecto político de Edivaldo na sua trajetória de homem público. “Ele é uma pessoa honesta, ética, cristã, pai de família e, principalmente, que está sabendo governar a capital dos maranhenses. Merece se reeleger!”, afirmou.

O candidato da coligação “Pra Seguir em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL) agradeceu a entusiasmada recepção popular e aproveitou para conversar com os moradores sobre os desafios, de administrar uma cidade com mais de 1 milhão de habitantes como São Luís; e que exige do gestor soluções criativas e modernas, ao ressaltar a crise econômica em que passa o país.

“Foi assim que melhoramos o trânsito da capital, promovendo 15 importantes intervenções, como a da Avenida Carlos Cunha, Avenida dos Franceses, da entrada do Aeroporto, e da entrada do Itaqui-Bacanga. Agora, iremos melhorar o trânsito no retorno da Forquilha. A obra já está avançando e em quatro meses os engarrafamentos da região não trarão mais problemas”, acrescentou Edivaldo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz