segunda-feira, 6 de junho de 2016

Vereador Pedro Belo e Prefeito Zito Rolim participam do lançamento do Programa Segunda Água


Foi realizado em São Luís o lançamento do programa Segunda Água, do Governo do Estado do Maranhão em parceria com o governo federal. Na oportunidade estavam presentes o Prefeito de Codó, Zito Rolim e o vereador Padro Belo. O Segunda Água faz parte do Programa Nacional de Captação de Água das Chuvas e Outras Tecnologias Sociais de Acesso à Água – Programa Cisternas, da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sesan), que vem beneficiando há vários anos estados que estão, principalmente, no Semiárido Brasileiro. Trata-se de uma tecnologia simples e de baixo custo, na qual a água da chuva é captada do telhado das casas dos beneficiados, por meio de calhas, e armazenada em um reservatório feito com placas de cimento, com capacidade para mais de dez mil litros de água.


O resultado veio do esforço do governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF), que reconhece a luta dos movimentos sociais, especialmente da Associação Semiárido (Asa), pela inclusão do Maranhão no Semiárido, diante das características de vários municípios do estado, que enfrentam mais de seis meses de forte estiagem todos os anos, afetando, principalmente, a produção agrícola, o que compromete a qualidade de vida no campo.



O programa tem três linhas de ações: de primeira água, que é para o consumo humano; de segunda água, para a produção de alimentos e criação de animais, e o de cisternas, para implantação de reservatórios em escolas. Para ter acesso ao Programa Segunda Água, a família precisa ter sido beneficiada previamente com a cisterna de água para consumo. De acordo com Secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, a Segunda Água é importante para a Agricultura Familiar, pois a meta de desenvolver a produção de alimentos no estado.



Na oportunidade também foram anunciados 50 motocicletas para a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária (AGERP) e a posse da nova presidente do Instituto de Colonização de Terras do Maranhão Margareth Mendes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz