quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Assembleia Legislativa concede Título de Cidadão Maranhense ao diretor Carlos Alberto Ferreira

                                            Assembleia Legislativa concede Título de Cidadão Maranhense ao diretor Carlos Alberto Ferreira
A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão realizou, na manhã desta quarta-feira (14), Sessão Solene para entrega do Título de Cidadão Maranhense ao diretor de Comunicação da Assembleia, Carlos Alberto Ferreira da Silva, natural da cidade de Caravelas, no estado da Bahia. A honraria – que foi concedida através de um Projeto de Resolução Legislativa, de iniciativa do deputado Júnior Verde (PRB) – justificou-se pelo reconhecimento da trajetória do trabalho desempenhado por Carlos Alberto, tanto no setor privado, como no público, em prol, principalmente, das causas sociais.
A solenidade, presidida pelo presidente Humberto Coutinho (PDT), também contou com as presenças dos deputados Roberto Costa (PMDB), Zé Inácio (PT), Raimundo Cutrim (PCdoB), Cabo Campos (PP), Cristovam Filho (PSL), Glauberth Cutrim (PRB), Othelino Neto (PCdoB), César Pires (DEM), Francisca Primo (PT), Levi Pontes (SD), Eduardo Braide (PMN), Fábio Braga (PTdoB), Fernando Furtado (PCdoB), Marco Aurélio (PCdoB), Toca Serra (PTC), Hemetério Weba (PV) e Rigo Teles (PV).
Também estiveram presentes os filhos de Carlos Alberto, Júlia e Pedro Antunes; a presidente do Gedema, ex-deputada Cleide Coutinho; os prefeitos de Caxias, Leo Coutinho, e de Codó, Zito Rolim; os secretários de Estado da Ciência e Tecnologia, deputado licenciado Bira do Pindaré (PT), e de Esportes e Lazer, Márcio Jardim; o diretor-presidente da Caema, Davi Teles; os empresários Chiquinho Oliveira e Roberto Albuquerque; os vereadores do município de Codó Pedro Belo e Francisco Nagib; os vereadores de Caxias Jerônimo, Léo Barata e Paulo Simão; diretores da Assembleia Rubens Pereira e Vinícius Machado; o jornalista de Caxias Fernando Portela; a ex-deputada Helena Barros Heluy; amigos, servidores e demais membros da imprensa. 
Durante o seu discurso, Júnior Verde falou da larga experiência que Carlos Alberto possui, qualidade que o credenciou a receber do título de Cidadão Maranhense. Ao destacar que o diretor era digno do reconhecimento em função da sua dedicação à atividade pública e privada, pautada sempre na seriedade, ética e na inovação, Júnior Verde, lembrou que em São Luís, por exemplo, ele criou a Estação Gráfica, reconhecida como uma das melhores e mais modernas do setor, gerando, há mais de 15 anos, empregos aos maranhenses, contribuindo para o crescimento econômico do Estado.
“Como sindicalista e como ser humano, Carlos Alberto conseguiu desenvolver um trabalho relevante no sentido de ampliar o sistema de comunicação no Maranhão, através da Comunicação desta Casa, levando cidadania às pessoas. Quem o conhece sabe da dedicação e do zelo em tudo aquilo que ele faz. Sempre se dedicou às causas sociais, tendo no bojo as atribuições que lhe são pertinentes. Carlos Alberto, que está fazendo uma verdadeira revolução na Comunicação desta Casa, dando acesso e levando informações ao povo do Maranhão, nasce duas vezes: em Caravelas, na Bahia e, agora, como cidadão maranhense”, afirmou Júnior Verde.  
Histórico
Carlos Alberto, que é economista e publicitário, iniciou a sua trajetória em São Paulo e chegou ao Maranhão há mais de 20 anos, onde se tornou referência na indústria gráfica e na área de marketing eleitoral. Ele também exerceu o cargo de diretor-geral da TV Band, na cidade de Imperatriz, e da Difusora, em Caxias. Em São Luís criou a Estação Gráfica,  Devido à larga experiência no setor da Comunicação, foi convidado pelo presidente Humberto Coutinho para assumir a direção da Comunicação do Legislativo maranhense 
Discurso emocionado
“A gente não escolhe onde nasce, esta é uma decisão dos nossos pais, mas escolhe o lugar que vai viver, morar, constituir família, ter nossos filhos. Migrei para São Luís, onde estou há mais de duas décadas, e aqui sempre me senti maranhense. Por escolha, por paixão, por encanto e por amor eu me tornei maranhense”, enfatizou o homenageado em um discurso emocionado, o qual agradeceu a presença dos deputado, dos seus filhos  Júlia e Pedro Antunes,  prefeitos e amigos presentes.  
Ao destacar a sua satisfação em receber o Título em reconhecimento ao trabalho desenvolvido ao longo de sua vida, Carlos Alberto fez questão de agradecer a presença maciça dos deputados e dos seus amigos. “Agradeço do fundo do meu coração por estarem aqui, pois sei que fizeram um sacrifício pessoal e profissional para aqui comparecerem”, acentuou o homenageado, cumprimentando o presidente do Comitê de Imprensa, Jorge Vieira, em nome de todos os jornalistas que cobrem as atividades da Casa.
Cumprimentou também a jornalista Jacqueline Barros Heluy, em nome de todos os servidores do Complexo de Comunicação e a servidora Patrícia Maruska.
Após fazer um breve relato da sua vida na cidade de São Paulo, onde teve o seu primeiro contato com a política, por meio de um núcleo de uma Comunidade Eclesial de Base, onde se filiou, naquela época, ao Partido Brasileiro Revolucionário (PCBR), Carlos Alberto disse que sempre se sentiu um estrangeiro em terras paulistas. Em seguida, ele falou da sua alegria em receber aquela homenagem.
“O título que Vossas Excelências generosamente me concederam encheu meu coração de alegria. Aqui, o lugar que escolhi para viver, conquistei riquezas ilimitadas como meus filhos, Júlia e Pedro Antunes”, afirmou Carlos Alberto, destacando as amizades construídas ao longo dos anos, a exemplo do governador Flávio Dino e esposa Daniela, a ex-esposa Deane, Nicolau, Sálvio Júnior, além de sua genitora Rita Castro e seu pai, Sálvio Dino.
Também falou da sua honra em privar da amizade pessoal do presidente Humberto Coutinho e de sua esposa Cleide Coutinho. Também agradeceu o deputado Júnior Verde pela indicação daquela honraria. “Agradeço a Deus por ter tido a oportunidade de conhecer e compartilhar a vida desse casal que, em tudo, exala maravilhosas excepcionalidades”, acentuou Carlos Alberto.
“Recebo este título, pela iniciativa carinhosa, gentil e carinhosa do deputado Júnior Verde, com a concordância de todos vocês, não pelas minhas virtudes, mas pela qualidade da equipe que comando nesta casa, no Complexo de Comunicação. Quero dividir com todos vocês, através da multimídia Denise Araújo, representando todos os jornalistas, cinegrafistas, editores, repórteres, secretárias, técnicos e engenheiros que fazem a comunicação perfeita, de forma isenta, republicana e comprometimento profissional e respeitoso com todos os deputados desta Casa”, enfatizou ele.
Ao final do seu pronunciamento, Carlos Alberto disse que, na Assembleia Legislativa, todos têm uma orientação que é um mantra sagrado determinado pelo presidente Humberto Coutinho, onde diz que: todos os deputados são iguais e merecerem o respeito e a dedicação de cada servidor. “Vossas excelências representam o povo e são os legítimos condutores dos anseios de todos os maranhenses e agora, por obra e graça de suas generosidades, acabei me tornando mais um”, destacou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz