quinta-feira, 2 de julho de 2015

Vinícius Louro reage às declarações de secretário e recebe apoio de deputados



O deputado estadual Vinicius Louro (PR) questionou o governador Flávio Dino em sessão plenária nesta quarta-feira (1º de julho): “Governador, o secretário de Estado da indústria e Comércio, é digno deste governo”?. Em seu discurso, Vinícius Louro rebateu as calúnias, segundo ele covardes e difamatórias, que o secretário Simplício Araújo publicou na imprensa, comparando-o a um “batedor de carteira”.

“Sinto-me no dever moral de vir a esta tribuna para falar das acusações descabidas, injúrias, destinadas a mim e aos meus familiares. Refiro-me ao pseudo bacabalense, eterno suplente de deputado federal e hoje secretário de Indústria e Comércio. Ele é reconhecido por seu vocabulário lastimável, retórica agressiva e ausência de trabalho prestado ao povo, especialmente na minha querida terra, Pedreiras”, disse Vinícius.

Disse, ainda, o deputado Vinícius: “Primeiramente quero deixar destacados aqui os inúmeros trabalhos e ações desenvolvidos pelo ex-deputado Raimundo Louro em todo o estado, especialmente na região do Médio Mearim, exatamente por sua luta contínua e diária, apesar de toda a perseguição que sofremos, mesmo assim vem se consagrando como a maior liderança política de toda aquela região. Meus caros colegas deputados, fomos acusados de batedores de carteira, fomos acusados também publicamente, inclusive em redes sociais, em canais de comunicação, de negociar emendas. Uma verdadeira falta de respeito a esta Casa e a todos os membros. Peço aos que, estão em primeiro mandato assim como eu, que levantem o braço em sinal positivo ao recebimento de emendas”, perguntou Vinicius Louro.

Na ausência de sinal positivo por parte de algum deputado em plenário acusando que tenha recebido emendas este ano, o deputado Vinícius Louro sugeriu que a Assembleia Legislativa convoque o secretário para se retratar publicamente. Os deputados Júnior Verde (PRB), Adriano Sarney (PV) e Sousa Neto (PTN), em aparte, manifestaram apoio ao colega parlamentar.

MANIFESTAÇÃO DE APOIO

 “Uma postura que precisamos rever até como gestores públicos, até como políticos que representam a condição popular. Esse momento realmente é de interação, pois acredito na participação, na junção de forças, portanto, uma expressão verbal tão forte ofende não só Vossa Excelência, mas a todos os deputados”, declarou o deputado Junior Verde em apoio a Vinícius Louro.

O deputado Adriano Sarney também se manifestou: “Secretários do governo do Executivo têm que respeitar o Poder Legislativo, têm que respeitar, deputado Vinícius, os deputados, especialmente Vossa Excelência, que é um deputado jovem, de primeiro mandato, daquela região próspera de Pedreiras, que está aqui para fazer um trabalho sério, um trabalho principalmente à frente da Comissão de Obras que está caminhando por todo o Maranhão”.

Também em aparte, assim se manifestou o deputado Souza Neto: “Deputado Vinícius, mais uma vez quero parabeniza-lo pelo pronunciamento e dizer que também o conheço de muito tempo, antes de político, conheço a sua índole. E essa pessoa à qual Vossa Excelência se refere, já entrei com uma nota de repúdio por essa pessoa se referir ao Sistema Mirante, principalmente ao Jornal O Estado do Maranhão”.

No final do seu discurso, Vinicius Louro agradeceu o apoio dos colegas parlamentares e fez um apelo ao governador Flávio Dino. “Então eu quero aqui deixar bem claro a todos os colegas deputados que eu sou da base do governo Flávio Dino, eu apoio o governo Flávio Dino, sempre voto aqui os projetos deste governo, mas eu tenho certeza de que o nosso governador não tem conhecimento desse tipo de ato, desse tipo de atitude. Não acredito que, diante de uma boa equipe de secretariado, o governador Flávio Dino vai ter esta Secretaria como recordista de moção de repúdio. Também não acredito que o governador não pode ter um secretário com descompostura pública. Será que o governador é digno de um secretário imoral como esse? Temos mandatos porque a voz do povo é a voz de Deus. Então, não vai ser esse um cidadão que foi expurgado da eleição, um eterno suplente de deputado, que vai aqui agora falar do legítimo representante do povo”, finalizou o deputado.

Após o discurso, o presidente da Assembleia Legislativa em exercício, deputado Humberto Coutinho (PDT), parabenizou Vinicius Louro e repudiou o ataque do secretário da Indústria e Comércio contra o parlamentar e a Casa do povo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz