quarta-feira, 15 de julho de 2015

Valéria Macedo participa de Seminário dos Agentes Comunitários de Saúde



A deputada estadual Valéria Macedo (PDT) participou, nesta quarta-feira (15), do Seminário dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias que ocorreu na UFMA. Com o tema “Fortalecendo a integração das ações de Atenção Primária e Vigilância em Saúde”, os mais de seis mil agentes comunitários de todo o estado presenciaram a assinatura do Termo de Cooperação para o desenvolvimento de ações permanentes voltadas para Atenção Básica, Vigilância e Gestão em Saúde. As ações são direcionadas para os profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS) que atuam no Maranhão.

Capacitação e apoio técnico-científico aos profissionais do SUS são alguns dos pontos do Termo de Cooperação entre a UFMA e a Secretaria Estadual de Saúde (SES). O governador Flávio Dino, o secretário de Estado de Saúde, Marcos Pacheco, e o reitor da UFMA, Natalino Salgado, assinaram o Termo durante o Seminário Estadual de Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias do Maranhão.

Para a deputada Valéria Macedo, a realização deste Seminário, se dá em reconhecimento à importância do profissional ACS para atenção básica e saúde do Estado.

“A atenção básica para os agentes de saúde do Estado tem sido solicitada por mim desde o mandato passado. Venho defendendo na Assembleia Legislativa que o estado do Maranhão repasse para todos os municípios, uma contrapartida estadual endereçada ao custeio dos agentes comunitários de saúde, os quais são custeados apenas pelo repasse da União. A nossa luta vai continuar, principalmente na melhoria salarial, pois os agentes de saúde são essenciais para desenvolver todos os programas de saúde”, disse Valéria Macedo.

O seminário é uma realização do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e apoio da Federação Maranhense de agentes comunitários de Saúde (FEMACS); Sindicato de Agentes Comunitários de Saúde de São Luís (SINDACS); Conselho Regional de Agentes Comunitários de Saúde (CRAS); Sindicato Intermunicipal dos Servidores Agentes de Combate às Endemias do Maranhão (SINTRACE) e Sindicato dos Trabalhadores do Controle de Endemias do Estado do Maranhão (SINTRACEMA).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz