terça-feira, 28 de abril de 2015

Nina Melo homenageia trabalhadoras domésticas e faz alerta para hipertensão


A deputada Nina Melo (PMDB) ocupou a tribuna na tarde desta segunda-feira (27) para parabenizar as trabalhadoras domésticas do Maranhão e do Brasil pelo Dia Nacional da Empregada Doméstica, comemorado em 27 de abril, e destacar a importância do Dia Mundial de Combate à Hipertensão, comemorado no último domingo (26).

Sobre as trabalhadoras domésticas, Nina Melo afirmou que compõem uma categoria profissional valorosa, que ao longo dos anos tem lutado pelo reconhecimento dos seus direitos trabalhistas. “São profissionais respeitadas que investem os seus sonhos e dedicam suas vidas para cuidar dos nossos lares e das nossas famílias. As trabalhadoras domésticas do Brasil e do Maranhão têm todo o meu respeito e a minha admiração”.

Nina Melo também falou sobre a importância da aprovação do Projeto de Lei Complementar 203/2013, que tramita no Congresso Nacional, que prevê a regulamentação da PEC das Domésticas. A matéria amplia as conquistas da categoria, concedendo-lhes garantias trabalhistas como o FGTS e a insalubridade. O projeto foi aprovado na Câmara Federal no dia 17 de março e se encontra em tramitação na Comissão de Assuntos Sociais do Senado, presidida pelo senador Edison Lobão.

“É importante que este projeto seja votado e aprovado. Eu tenho certeza  que o senador Edison Lobão vai ter a sensibilidade e a coerência para votar favorável ao PL 203/2013 e conscientizar os demais senadores sobre a importância da aprovação”, afirmou Nina.

HIPERTENSÃO

No segundo momento do seu discurso desta segunda-feira, a deputada Nina Melo, que é médica cardiologista, falou sobre o Dia Mundial de Combate à Hipertensão e o perigo dessa doença insidiosa que vem matando homens e mulheres a cada dia no Brasil e no mundo.

Ela afirmou que já protocolou um projeto de lei na Assembleia Legislativa que prevê o controle do sódio em alimentos industrializados e a ingestão de sal na dieta como uma das ações emergenciais para inibir o aumento da pressão arterial.

Nina esclarece que o controle da pressão arterial deva ocorrer a partir do momento em que o consumidor toma conhecimento sobre a quantidade de sódio que cada alimento que vai ingerir dispõe. “O controle do consumo de sódio nos alimentos não é novidade em nenhum país desenvolvido e, assim como já existe em outros estados, no Maranhão também tem que haver essa forma de controle”.

Na condição de médica do coração, Nina Melo chamou atenção para a importância da aferição periódica da pressão arterial. “Faço um alerta para que verifiquem a pressão e que tenham muito cuidado com a  alimentação, porque a ingestão excessiva de sódio é tão prejudicial quanto o tabagismo e a obesidade, e nós devemos dar a importância devida à nossa alimentação”.

Ela acrescentou que no que diz respeito ao tratamento da hipertensão, homens e mulheres - médicos ou não - têm se debruçado e estudado anos a fio para controlar essa doença que leva à morte através do infarto, do AVC, entre outras moléstias, além de arritmias. “A população brasileira precisa ter cuidado com a própria saúde e uma das formas é ter controle sobre o consumo de sódio”, disse Nina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz