domingo, 22 de março de 2015

Justiça mantém Chico Gomes no cargo e enterra pretensão de Magrado Barros assumir a prefeitura de Viana no tapetão


Viana – Em primeira mão. A Juíza Anelise Nogueira Reginato - titular da Comarca de Olinda Nova/Ma, respondendo pela 1ª Vara do município de Viana, após análise do processo pelo Ministério Público, deu hoje, 20/03, parecer favorável à coligação “Viana com Respeito”que elegeu o ex-deputado Francisco Gomes a prefeito de Viana na eleição municipal de 2012.

Com a decisão da Justiça, Magrado Barros e o seu grupo político sofreram duas derrotas: nas urnas e na Justiça. 

Entenda o caso 

Chico Gomes estava respondendo por ação de investigação eleitoral, representada pelo candidato a prefeito Magrado Aroucha Barros, que alegou que houve abuso de poder econômico nas eleições de 2012.

Aliás, Magrado Barros entrou com duas representações contra o atual prefeito: investigação eleitoral para anular o pleito e outro para cassar o diploma do atual gestor. NENHUMA COISA NEM OUTRA! NEM MEL NEM CABAÇA!

O empresário vianense e seu grupo vão ter que aguardar a próxima eleição, em 2016, para tentar ganhar no voto. 

Foguetes e bebidas 

Durante seus dois anos de Mandato, Chico Gomes não teve um dia de paz. Magrado Barros empregou um ritmo alucinante de representações, por meio de um grupo de advogados, reforçado ultimamente com a parceria do ex-prefeito Rilva Luís, que teve todos as contas do seu desastroso mandato reprovadas pelo TCE – Tribunal de Contas do Estado.
 
Magrado Barros e Rilva Luis - Derrota nas urnas e na Justiça
Agindo como irmãos siameses da política, imprimiram terrorismo na imprensa de São Luís, coagindo quase todos que aceitavam, por meio financeiro, comprando notícias em Blogs e plantando notícias falsas nas redes sociais.
Nota falsa, plantada em Blogs - Clique para ampliar
Segundo informações, uma casa alugada em Viana estava lotada com de grades de cervejas e foguetes para serem consumidos caso Magrado assumisse o poder. Até um suposto secretariado já estaria com os paletós engomados para assumir o poder.

Nunca na história política vianense um candidato que não aceitou a derrota nas urnas tinha agido com tamanha virulência e ânsia de poder. Parece que, hoje, a Justiça prevaleceu diante da ganância e pretensão de dois grupos - um pior do que o outro -, que juntos não conseguiram reverter a vontade do sofrido povo vianense, que padeceu calado por 16 anos, diante da maior quadrilha administrativa que a casa azul da Praça Ozimo de Carvalho já teve o desprazer de abrigar. 

A JUSTIÇA FOI FEITA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz