sexta-feira, 20 de março de 2015

Eliziane critica jogo político e a tentativa de anular sua forte atuação no Congresso



“Não admitir que as instituições são legítimas para receber emendas é negar a força da sociedade civil organizada”, afirmou


A deputada federal Eliziane Gama (PPS-MA) se manifestou nesta sexta-feira (20) sobre informações divulgadas na imprensa maranhense referente à destinação de emendas parlamentares. Eliziane Gama rechaçou com veemência o jogo político, que vem tentando anular sua forte atuação na Câmara dos Deputados.

Ela lamentou a deturpação dos fatos por conta de competições políticas e eleitorais, mas garantiu que não irá desviar o foco de representar bem o Estado do Maranhão em Brasília.

A popular-socialista reafirmou o seu compromisso com todos os municípios do Maranhão, e a capital, São Luís. Ela lembrou que foi eleita para lutar e legislar em defesa do povo do Maranhão, principalmente os menos favorecidos.

A deputada maranhense também esclareceu que destinou para o exercício do ano de 2015 um montante de mais de 4 milhões de reais só para a São Luís. No total, mais de dez entidades da Região Metropolitana da cidade receberam o encaminhamento de emendas parlamentares, entre elas Fundações, Casas de Recuperação, Conselhos de Direitos, Centros de Defesa, Creches e Centros Comunitários.

“Não admitir que as instituições são legítimas para receber emendas é negar a força da sociedade civil organizada em favor do pequeno jogo das disputas eleitorais”, afirma Eliziane Gama

Sobre o compromisso com a capital maranhense, a deputada frisou: “Ao longo dos meus oito anos de mandato a maior parte das minhas emendas foram para São Luís, mas os demais municípios também precisam de assistência!”.

Eliziane Gama hoje é uma das mais destacadas representações na Câmara dos Deputados, com atuação firme e reconhecida pela classe política brasileira. Ela tem sido presença diária em todos os grandes jornais de circulação no país por conta do seu trabalho no Congresso Nacional, na CPI da Petrobrás e como coordenadora da Comissão Externa que acompanha o cancelamento das refinarias do Maranhão e Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz