quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Deputado Rigo Teles denuncia caos e demissões na saúde de Barra do Corda

Deputado Rigo Teles denuncia caos e
demissões na saúde de Barra do Corda
 O deputado Rigo Teles (PV) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã desta quarta-feira (11), para denunciar e pedir providências das autoridades competentes contra os desmandos, irregularidades e demissões de médicos no setor de saúde pública de Barra do Corda, comandado pelo prefeito Eric Costa (PSC).
 
 

O parlamentar revelou que o prefeito Eric Costa alardeou em todo o Estado do Maranhão, por meio de conceituados veículos de comunicação, que a Prefeitura de Barra do Corda reformou e equipou o Hospital Governador Edison Lobão, mas as informações não correspondem a realidade do que está acontecendo.      
De acordo com Rigo Teles, a reforma do hospital Governador Edison Lobão propagada por Eric Costa se limita a uma pintura, em cal verde, a cor da campanha do prefeito, e os equipamentos mostrados na notícia foram adquiridos durante a gestão do ex-prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Souza, o “Nenzim”.    
Para Rigo, como se não bastasse o prefeito querer enganar a população, fazendo gambiarras em logradouros públicos e alardeando reformas, conceituados médicos que trabalham em Barra do Corda há seis anos estão pedindo demissão, por falta de condições de trabalho e do tratamento desumano dispensado aos pacientes.      
MÉDICOS  ENVERGONHADOS  
O parlamentar comentou que recebeu a visita do conceituado médico ortopedista, Alexandre Costa, residente em Barra do Corda há seis anos, com a esposa, Débora Costa, que também é médica, informando que os dois pediram demissão porque faltavam equipamentos e até os medicamentos para trabalhar com dignidade.
Conforme Rigo Teles, o mesmo aconteceu com o conceituado médico Jerônimo Ferri, que em setembro pediu demissão e denunciou que não trabalharia mais na Prefeitura de Barra do Corda, porque o tratamento dispensado aos pacientes é desumano, e como jovem de futuro brilhante não participaria dos desmandos. Da mesma forma o medico João Meneses que trabalhou somente 11 meses, também pediu demissão.

Rigo Teles lamentou que os próprios médicos confessaram que pediram demissão da Prefeitura, porque estavam envergonhados com o tratamento dispensado pelo prefeito Eric Costa aos pacientes que precisam do setor e saúde pública de Barra do Corda, que na administração anterior já foi referência no Maranhão.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz