quinta-feira, 11 de julho de 2013

Aprovado projeto que dá nomes ao complexo de comunicação da AL


A Assembleia Legislativa aprovou, durante a sessão plenária desta quarta-feira (10), o projeto de resolução legislativa, de autoria da Mesa Diretora, que denomina de “Complexo de Rádio e TV Assembleia Legislativa do Maranhão” o prédio anexo que abrigará o sistema de comunicação da Casa. O projeto também homenageia jornalistas e radialistas, dando os nomes deles a setores do novo prédio.

De acordo com o projeto, o Estúdio de Transmissão será chamado de “Núcleo Radialista Tony Castro”; o Estúdio de Gravação de “Núcleo Radialista Denny Cabral”; o Estúdio de Redação de “Núcleo Jornalista Décio Sá”; e o Estúdio de TV de “Núcleo de TV Jornalista Coelho Neto”. O auditório vai ser chamado de “Auditório Deputado Neiva Moreira”.
 
O presidente da Assembleia, Arnaldo Melo (PMDB), assinou o projeto de resolução que intitula o complexo de comunicação em dezembro de 2012, juntamente com outros integrantes da Mesa Diretora na época: Hélio Soares (primeiro secretário) e Jota Pinto (segundo secretário)


O PRÉDIO
O contrato e a ordem de serviço para a construção do “Complexo de Rádio e TV Assembleia Legislativa do Maranhão” foi assinado em junho de 2012; a empresa vencedora da licitação foi Silveira Engenharia e Construção Ltd
Ao todo, a nova instalação será construída em uma área de 2.500 m², contendo três pavimentos. No primeiro estarão os espaços de maior circulação, como, por exemplo, hall, auditório, estúdio de produção, almoxarifado técnico, área de vivência, acesso social e comandos de energia, entre outros. No segundo andar estarão os estúdios e produção de TV, rádio e portal (news room), camarim, ilhas de edição e produção, CPD, área de telefonia e comunicação de dados e voz. No terceiro pavimento estará a área administrativa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz