quarta-feira, 19 de junho de 2013

Arraial da Lagoa será aberto nesta quinta (20) com grupos juninos e show de Waldonys

acordeonista e cantor Waldonys faz show na noite de abertura do Arraial da Lagoa, nesta quinta-feira (20), às 23h. Se apresentam ainda o Tambor de Crioula de Joana Batista, Boi de Nina Rodrigues (orquestra), Boi de Leonardo (zabumba), Boizinho Barrica (alternativo), Boi de Maracanã (matraca) e Boi de Morros (orquestra). 

A programação no Arraial da Lagoa prossegue até o dia 30 de junho, sempre com sete atrações por noite. O roteiro destaca grupos de tambor de crioula, quadrilha, danças do Lelê, do Boiadeiro, além de bumba meu boi de todos os sotaques. A festa conta com patrocínio da Companhia de Bebidas das Américas (Ambev), Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), Companhia Energética do Maranhão (Cemar), Grupo Mateus Supermercados e Departamento Estadual de Trânsito (Detran). 

Além de Waldonys, haverá shows de Papete (dia 21), Mano Borges (22), Betto Pereira (23), Banda da Cia. Barrica (24), Dorgival Dantas (25), Elba Ramalho (26), Bumbauê (27), Nando Cordel (28), Grupo Falamansa (29) e Geraldo Azevedo (30). O público terá a disposição uma estrutura de 17 barracas e um quiosque para venda de pratos típicos do período junino (como arroz de cuxá, arroz Maria Izabel, peixe frito, mingau de milho, entre outros). Além disso, há uma área exclusiva de acessibilidade, destinada a cadeirantes, idosos e grávidas.

Dentro do mesmo modelo dos Shows dos 400 Anos de São Luís e dos Shows da Virada, o Arraial da Lagoa contará com policiamento reforçado em todo o entorno. A estrutura de segurança inclui policiais civis e militares, homens do Corpo de Bombeiros, Esquadrão de Motos e da Cavalaria, torres de observação da PM, barreiras de abordagem policial nas áreas de acesso ao Arraial da Lagoa, câmeras de videomonitoramento, além de reforço nos plantões de delegacias.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) instalará um Hospital de Campanha no local do evento, que terá o suporte ainda de ambulâncias da própria SES, do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O Arraial da Lagoa tem apoio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), que organizará e disciplinará o trânsito no entorno da Lagoa; da Blitz Urbana no ordenamento do comércio informal. Já a Vigilância Sanitária Estadual fiscalizará as condições de higiene das barracas e a qualidade dos alimentos que serão comercializados, enquanto a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), em parceria com São Luís Convention & Visitors Bureau, estará presente todas as noites com o serviço de orientação e de informação aos turistas.

Waldonys
Atração diferenciada na noite de abertura, o forrozeiro Waldonys começou a tocar incentivado pelo pai, Seu Eurides, era acordeonista amador e o incentivou a iniciar seus estudos musicais com aulas particulares a partir dos 11 anos. Depois, teve aulas teóricas no Conservatório Alberto Nepomuceno.

Aos 14 teve seu talento reconhecido por Dominguinhos e gravou o CD “Choro Chorado”. Aos 15 anos, Waldonys gravou com Luiz Gonzaga o disco “Fruta Madura”, onde foi carinhosamente chamado pelo Rei do Baião de “Garoto Atrevido”.

De lá para cá, já gravou oito discos próprios e consolidou seu nome junto a importantes cantores e compositores da MBP. Lançou em 1992 seu primeiro disco, intitulado “Viva Gonzagão”. Na sequência, “Veleiros”, “Quem não Dança, Dança”, “Coração da Sanfona”, “Waldonys Canta e toca sucessos nordestinos”, “Aprendi com o Rei 1 e 2”, “Anjo Querubim” e “Eterno Aprendiz”, seu último lançamento.

Depois de muitos shows, incluindo uma temporada de seis meses nos Estados Unidos, fez recentemente apresentações em países da Europa e em Cuba. Seu estilo é inconfundível, pois consegue aliar técnica a muito swing, numa apresentação que prima pela versatilidade musical. Seu desempenho arrancou elogios de grandes mestres. Hermeto Pascoal já declarou que “esse menino é o fenômeno da sanfona” e Zé Ramalho afirmou, “Waldonys, você é um tradutor da sanfona”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário

Diniz